A construção de personas e do mapa da jornada do usuário: a delimitação de modelos mentais para o design centrado no usuário ou da interação usuário-notícia

Juliana Nunes, Manuela Quaresma

Resumo


Modelos mentais são recursos bastante utilizados na Interação Humano-Computador (IHC), pois através da representação de comportamentos é possível projetar interfaces mais adequadas. Entretanto, para atingir esse nível de compreensão de modelos consistentes, é necessária a escolha de técnicas que recolham dados substanciais dos usuários. Neste estudo apresenta-se características de usuários de notícias, uma vez que a migração do jornal impresso para o digital mudou bastante a interação. A técnica de entrevista semiestruturada com recursos de visualização se mostrou mais apropriada para a coleta de dados e forneceu informações sólidas para a delimitação de personas e mapas da jornada do usuário. Como resultados, foram detectados três tipos distintos de personas com características bem marcantes: o Antenado, o usuário que se sente impelido a estar sempre atualizado; o Blasé, aquele que não dá uma importância tão substancial aos fatos noticiados; e o Retrô, aquele que se sente sufocado com a rapidez com que a notícia digital se atualiza.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.