Agenda de Inovação para o Design de soluções orientadas à Economia Distribuída via Fabricação Digital

João Caccere, Aguinaldo dos Santos

Resumo


O presente artigo dedica-se à proposição de uma Agenda de Inovação para o Design de soluções orientadas à Economia Distribuída. Nesse sentido, parte-se da compreensão da necessidade de criação de alternativas ao modelo ortodoxo de oferta de produtos em massa para explorar aplicações de Fabricação Digital que sejam capazes de viabilizar um panorama de utilização e difusão das estratégias de Produção e Design Distribuídos. Métodos utilizados: 1) revisão bibliográfica assistemática e sistemática; 2) Pesquisa-Ação estratégica combinada com Design Science Research. Nessa segunda fase houve um trabalho de campo subdividido em quatro ciclos de ação voltados para a criação de um Sistema Produto+Serviço Sustentável que ofertasse mobiliário residencial open-source para moradores de Habitação de Interesse Social. Por meio da análise dos resultados foi possível apontar barreiras e oportunidades para a implementação destas abordagens, considerando as complexas características do contexto dos consumidores de baixa renda no Brasil.

Texto completo:

PDF

Referências


AVITAL, M. The Generative Bedrock of Open Design. In: B. Van Abel; R. Klaassen; L. Evers; P. Troxler (Eds.); Open Design Now: Why Design Cannot Remain Exclusive, 2011. Amsterdam: BIS Publishers. Disponível em: . Acesso em: 18 nov. 2015.

BENKLER, Y. The Wealth of Networks: How Social Production Transforms Markets and Freedom. New Haven: Yale University Press, 2006.

CEM/CEBRAP. MINISTÉRIO DAS CIDADES. ARRETCHE, M. (org.). Capacidades Administrativas, Déficit e Efetividade na Política Habitacional. MCidades/ Secretaria Nacional de Habitação. Brasília: CEM/CEBRAP, 2007.

CEV FGV. Definição de Baixa Renda. Centro de Excelência em Varejo da EAESP, 2014. Disponível em: . Acesso em 18 dez. 2016.

DIEGEL, O.; SINGAMNENI, S.; REAY, S.; WITHELL, A. Tools for sustainable product design: additive manufacturing. Journal of Sustainable Development, v. 3, i. 3, p. 68-75. 2010.

FABLAB HOUSE. FabLab House. Site. Disponível em: . Acesso em 12 jan. 2017.

GERSHENFELD, N. FAB: the Coming Revolution on Your Desktop - from Personal Computers to Personal Fabrication. Nova Iorque: Basic Books, 2005.

HOWE, J. The Rise of Crowdsourcing. 2006. Wired Magazine. Disponível em: . Acesso em: 27 jan. 2016.

IBGE. Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios – PNAD 2013. Disponível em: . Acesso em: 18 dez. 2016.

JACOBSON, S. F. Hype Cycle for Leaders of Manufacturing Strategies. Ridgefield Park, NJ: Gartner Inc., 2015.

JOHANSSON, A.; KISCH, P.; MIRAT, M. Distributed economies – a new engine for innovation. Journal of Cleaner Production, v. 13. 2005.

KOHTALA, C. Addressing sustainability in research on distributed production: an integrated literature review. Journal of Cleaner Production, v. 92. 2014.

LENSIN. International Learning Network of networks on Sustainability. Site. Disponível em: . Acesso em: 24 jun. 2016.

MARTINEZ, S.; STAGER, G. The maker movement: A learning revolution. Learning and leading with technology, v. 41, n. 7, 2014.

MATT, D. T.; RAUCH, E.; DALLASEGA, P. Trends towards Distributed Manufacturing Systems and modern forms for their design. In: 9th CIRP Conference on Intelligent Computation in Manufacturing Engineering, v. 33, p. 185 – 190. 2015.

MCIDADES. MINISTÉRIO DAS CIDADES. Plano Nacional de Habitação. MCidades/ Secretaria Nacional de Habitação. Brasília: MCidades, 2009.

MEDLOCK, M.; WIXON, D.; TERRANO, M.; ROMERO, R.; FULTON, B. Using the RITE method to improve products: a definition and a case study. Microsoft, 2002. Disponível em: . Acesso em: 18 nov. 2016.

MOLDMAKING. Site. 2014. Disponível em . Acesso em 20 jun. 2016.

MOREIRA, T. Política habitacional e locação social em Curitiba. Caderno CRH, v. 27, i. 71. 2014.

MULLER, C.; SOUZA, E.; SOUZA, E. R. B.; HILLER, J.; GARBIN, R.; SAUGU, A. Análise projetual da habitação de interesse social do município de Erechim/RS. In: Seminário Nacional de Construções Sustentáveis, 2013, Passo Fundo. Anais do 2º SNCS. Passo Fundo, 2013.

OLIVEIRA, R. Fábricas de criatividade revolucionam aprendizado (e já há delas no Brasil). El País, nov. 2016. Disponível em: . Acesso em: 7 dez. 2016.

OXMAN, R. Special issue of Design Studies on digital design. Design Studies, v. 27, n. 3, p. 225-227, 2006.

PUPO, R. T. Inserção da prototipagem e fabricação digitais no processo de projeto: um novo desafio para o ensino da arquitetura. 2009. 260 f. Tese (Doutorado) – Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil, Universidade Estadual de Campinas. Campinas, 2009.

RAYNA, T.; STRIUKOVA, L. From rapid prototyping to home fabrication: How 3D printing is changing business model innovation. Technological Forecasting & Social Change, v. 102, p. 214-224, 2015.

RIDDEN, J. EADS Airbike made of steel-strenght nylon. 2011. Gizmag. Disponível em: . Acesso em: 18 jan. 2016.

SANNE, C. Willing consumers – or locked-in? Policies for a sustainable consumption. Ecological Economics, v. 42, n. 1-2, p. 273-297. 2002.

SASS, L. Synthesis of design production with integrated digital fabrication. Automation in Construction, v. 16, n. 3, p. 298-310, 2007.

SMITH, A.; HIELSCHER, S.; DICKEL, S.; SODERBERG, J.; VAN OOST, E. Grassroots digital fabrication and makerspaces: Reconfiguring, relocating and recalibrating innovation? SPRU Science and Technology Policy Research - Working Paper Series. 2013.

TASSI, R. Service Design Tools: Communication methods supporting design processes. Milano: DensityDesign research group at INDACO Department - Politecnico di Milano | DARC - the Research & Consulting Center of Domus Academy. 2010. Disponível em . Acesso em: 27 out. 2016.

TROXLER, P. Commons-based Peer-Production of Physical Goods: Is there Room for a Hybrid Innovation Ecology? In: 3rd Free Culture Research Conference. Berlim, 2010.

VEZZOLI, C. Design de Sistemas para a Sustentabilidade: Teorias, métodos e ferramentas para o design sustentável de “sistemas de satisfação”. Salvador: EDUFBA, 2010.

VEZZOLI, C.; CESCHIN, F. Designing sustainable system innovation transition for low-industrialised contexts. In: 2nd Conference of the Sustainable Consumption Research Exchange (SCORE!) Network. Bruxelas, 2008.

VOLPATO, N.; AHRENS, C. H.; FERREIRA, C. V.; PETRUSCH, G.; CARVALHO, J.; SANTOS, J. R. L.; SILVA, J. V. L. Prototipagem Rápida: Tecnologias e Aplicações. São Paulo: Editora Blucher, 2007.

WEST, J.; GALLAGHER, S. Challenges of open innovation: the paradox of firm investment in open-source software. R&D Management, v. 36, i. 3, p. 319-331. 2006.

WOHLERS. Wohlers report 2002. Fort Collins, Colorado: Wohlers Associates, 2002.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.